05 ALIMENTOS QUE VOCÊ DEVE EVITAR!

em

Está além do peso? Veja cinco alimentos que você deve evitar

Confira o Top 5 dos produtos mais calóricos e saiba como se manter longe deles

Quem não gosta de uma pizza suculenta? E um doce bem recheado? Um salgadinho para acompanhar um filme vai bem, não é mesmo? Difícil resistir a tantas tentações, principalmente se acompanhadas de um refrigerante bem gelado. Porém, ao mesmo tempo em que você procura saciar sua vontade com estas delícias, seu organismo pode estar se transformando em uma bomba relógio, que pode explodir  a qualquer momento.

Isso porque esses alimentos possuem calorias vazias, ou seja, elas são absorvidas rapidamente pelo organismo e não fornecem nenhum nutriente benéfico ao corpo, somente açúcar e/ou gordura. A pedido de A Tribuna On-line, a nutricionista Ingrid Seiler Prior elaborou um ranking com os cinco piores alimentos a se consumir em termos nutricionais.

1 – Refrigerante 

 

Depois da água, é a bebida mais consumida. Além de possuir inúmeras substâncias artificiais em sua composição, seu valor nutricional é praticamente nulo, sendo basicamente constituído por açúcar, cafeína e sódio. Dentre as doenças que sua ingestão regular pode ocasionar, estão: obesidade, diabetes, osteoporose e cálculos renais.

Em média, os refrigerantes possuem:

Coca-Cola (1 lata de 350 ml): 137 calorias
Guaraná (1 lata de 350 ml): 110 calorias
Sprite (1 lata de 350 ml): 115 calorias
Fanta (1 lata de 350 ml): 189 calorias

 

2 – Donuts

 

As famosas rosquinhas que os policiais americanos tanto adoram são repletas de açúcar, aditivos alimentares e gordura trans, que está relacionada ao desenvolvimento de câncer, doenças cardíacas e cerebrais. Uma porção de 100 gramas de donuts tem, aproximadamente, 420 calorias.

3 – Salsicha, salame e bacon

 

O consumo frequente de carnes processadas aumenta em 42% o risco de doenças cardíacas e em 19% o de diabetes tipo 2 e de câncer no pâncreas.

Esses alimentos possuem um alto nível de nitrito e nitrato, substâncias que aumentam a chance de desenvolvimento de câncer no estômago. Uma salsicha, por exemplo, possui um quarto do valor diário de gorduras totais e um quinto do de gordura saturada e de sódio.

Veja as calorias

100 gramas de salsicha possuem 242 calorias.
100 gramas de salame possuem 250 calorias.
100 gramas de bacon possuem 541 calorias.

4 – Salgadinhos de batata

 

É ainda pior do que o consumo da própria batata frita, tendo um terço do valor diário de gorduras totais e 9% de gorduras saturadas. Além disso, contém altos níveis de acrilamida, substância cancerígena. Uma porção de 100 gramas possui 491 calorias.

5 – Pizza congelada

 

Uma única fatia possui 14% do valor diário de gordura saturada e 16% do valor diário de sódio, que pode ocasionar hipertensão e doenças renais. Por ser feita à base de farinha branca, ela é rapidamente absorvida pelo organismo, podendo levar ao aumento de peso e ao diabetes.

De acordo com a especialista, o ideal seria que o consumo desses alimentos não ultrapassasse duas vezes ao mês. “E, mesmo assim, sem exageros em relação à sua quantidade”, acrescenta. 
Uma fatia (77 gramas) tem 189 calorias.

Síndrome do ‘eu mereço’

O nutricionista Cezar Henrique de Azevedo, que leciona na Universidade Católica de Santos (UniSantos), alerta para que as pessoas não caiam na velha desculpa que elas mesmas criam.

“Temos que tomar cuidado com a síndrome do ‘eu mereço’. Isso significa que depois de um dia intenso de trabalho, a pessoa pode dizer que trabalhou muito e merece comer o que quer para compensar seu desgaste. Geralmente o que comem não será um prato de salada variada, regado a azeite de boa qualidade, ou mesmo uma porção de frutas com granola e iogurte. As pessoas ‘se merecem’ comer salgadinhos, frituras com bebidas alcoólicas que são combinações extremamente calóricas”.

Ele também acredita que as pessoas podem absorver esse tipo de comida com moderação, em situações como eventos, festas ou reuniões, mas reforça a necessidade de uma alimentação equilibrada, com orientação. “Creio que as pessoas bem orientadas comem de tudo um pouco sem culpa, pois sabem equilibrar a alimentação. Por isso, se alguém quer comer sem culpa procure o profissional certo para essa orientação: o nutricionista”.

Consequências para a saúde

Vale destacar que comidas calóricas elevam as taxas de gordura e glicose no sangue, que estimulam a liberação de insulina. Esta por sua vez promove a guarda desses nutrientes nas células adiposas em formato de gordura, provocando a obesidade. Com o aumento no estoque, essas células começam a resistir à ação da insulina, resultando em diabetes, pois a glicose não entra com a mesma facilidade nessa célula, permanecendo na circulação. 

Além disso, a gordura circulante favorece a penetração nas camadas das artérias, promovendo a aterosclerose e, posteriormente, o enfarto. A hipertensão é também sempre vista em obesos, pois o fluxo sanguíneo fica mais difícil nas extremidades corporais pelo excesso de tecido adiposo. Outras doenças são decorrentes da obesidade, como esteatose hepática (fígado gorduroso), certos tipos de câncer, artralgias (dores articulações) e erisipela.

A TRIBUNA on line

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s