JUIZ DE FORA RECEBE O EVENTO MINAS LÁCTEA EM JULHO.

em

Setor de laticínios se reúne em julho em Juiz de Fora

Minas Láctea ocorre entre os dias 14 e 16 de julho no Expominas.
Programação conta com palestras, minicursos e estandes.

 Minas Láctea 2013  (Foto: Erasmo Reis/Epamig)
Juiz de Fora recebe o evento Minas Láctea entre os dias 14 e 16 de julho. O evento oferece novidades em maquinário, embalagens, insumos e produtos, além de  tecnologias geradas para a melhoria dos processos de produção.

O Minas Láctea será realizado no Expominas, que fica no Km 790 da BR-040, no Bairro São Pedro. A organizadora do evento, a Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig), espera que 15 mil pessoas passem pelo local.

A abertura oficial será no dia 14 de julho, às 14h, no Expominas. Em três dias de evento, o público poderá acompanhar a 42ª Exposição de Máquinas, Equipamentos, Embalagens e Insumos para a Indústria Laticinista (Expomaq), a 41ª Exposição de Produtos Lácteos (Expolac), o 41º Concurso Nacional de Produtos Lácteos e o Congresso Nacional de Laticínios.


O Expomaq vai oferecer ao público estandes de 98 empresas do segmento laticinista. Segundo a organização, a exposição é uma oportunidade para apresentação de novidades, prospecção de negócios e concretização de vendas. A Expomaq será de 14 a 16 de julho, das 14h às 22h, no Expominas.

No Expolac, o público vai poder conferir a tecnologia empregada pela indústria durante o processo produtivo. A expectativa da organização é reunir cerca de 500 produtores de queijos, doces, bebidas lácteas e iogurtes. As tendências do mercado consumidor poderão ser conferidas de 14 a 16 de julho, das 14h às 22h, no Expominas.

Cerca de 50 indústrias vão concorrer em 11 categorias pelo Concurso Nacional de Produtos Lácteos. As três primeiras colocadas de cada categoria serão premiadas no encerramento no dia 16 de julho, no Expominas. Para o resultado final, o corpo de juízes será formado por 25 especialistas vindos de universidades, serviços de inspeção federal, estadual e municipal, além de técnicos das indústrias. Eles vão avaliar cada produto no Laboratório de Análise Sensorial, que fica na Epamig, no Instituto de Laticínios Cândido Tostes, nos dias 14 e 15 de julho.

Já o Congresso Nacional de Laticínios será realizado na Epamig, que fica no Instituto de Laticínios Cândido Tostes, localizado na Rua Tenente Luiz de Freitas, 116, no Bairro Santa Terezinha. No congresso serão oferecidas dez palestras, quatro apresentações de trabalhos científicos e seis minicursos. A programação conta ainda com a discussão do tema “A indústria de laticínios do Brasil em tempos de crise: desafios e perspectivas”.

Faz parte do congresso a miniusina Via Láctea, idealizada pelo Instituto de Laticínios Cândido Tostes, que vai reproduzir para o público o funcionamento de uma indústria de lácteos, desde a análise da matéria-prima até a distribuição do produto. E o Inovalácteos, realizado pela Agência de Inovação de Leite e Derivados – Polo do Leite. A iniciativa visa estimular a inovação no setor lácteo criando um ambiente favorável para novos negócios.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s